Yuri Graneiro registra exposição de Margiela, o estilista que revolucionou a moda

Atento ao que acontece nas principais capitais da moda, o fotógrafo Yuri Graneiro esteve presente na abertura da exposição do belga Martin Margiela, considerado o maior ícone da desconstrução das modelagens, com sua alfaiataria “destroy” extraordinariamente bem cortada. As belas imagens foram realizadas Avant-première da mostra, fazendo uma retrospectiva da carreira do estilista que pela primeira vez expõe suas peças. 

O registro de Yuri Graneiro aconteceu durante a Paris Fashion Week, no Galliera, museu da moda da capital francesa. 

O estilista revolucionou a moda em um período que glamour estava em alta e todos precisavam ostentar as logomarcas das grifes em suas roupas. Margiela, que criou sua marca em 1988, tinha uma filosofia de estilo bem marcante e suas criações com um estilo desconstruído. 

O designer se formou na Academia Real da Antuérpia e foi assistente de Jean Paul Gaultier, deixando sua marca principal em trabalhos, como o colete produzido por tênis branco reciclado, cabelos e muita desconstrução na alfaiataria como pode ser conferido nos cliques de Yuri Graneiro.

A exposição teve curadoria do próprio Margiela, que fez uma linha do tempo de sua carreira, passando pelas principais criações, onde mostrou costuras brutas, cortes overzied e imprimiu bem sua atitude intelectual, que oferecem uma visão modesta e vigorosa atravessando gerações, como Yuri Graneiro captou com sua sensibilidade durante o tour fotográfico pela exposição.















Créditos das imagens: Yuri Graneiro.

Um comentário:

Sinta-se à vontade para comentar. Nós amamos!